Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]

89857247_770x433_acf_cropped.jpg

«Oh como se me alonga de ano em ano
A peregrinação cansada minha!
Como se encurta, e como ao fim caminha
Este meu breve e vão discurso humano!

Minguando a idade vai, crescendo o dano;
Perdeu-se-me um remédio, que inda tinha;
Se por experiência se adivinha,
Qualquer grande esperança é grande engano.

Corro após este bem que não se alcança;
No meio do caminho me falece;
Mil vezes caio, e perco a confiança.

Quando ele foge, eu tardo; e na tardança,
Se os olhos ergo a ver se inda aparece,
De vista se me perde, e da esperança.»

(Luís Vaz de Camões, in "Sonetos")

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:58

“Falareis de nós como de um sonho.
Crepúsculo dourado. Frases calmas.
Gestos vagarosos. Música suave.
Pensamento arguto. Subtis sorrisos.
Paisagens deslizando na distância.
Éramos livres. Falávamos, sabíamos,
e amávamos serena e docemente.

Uma angústia delida, melancólica,
sobre ela sonhareis.

E as tempestades, as desordens, gritos,
violência, escárnio, confusão odienta,
primaveras morrendo ignoradas
nas encostas vizinhas, as prisões,
as mortes, o amor vendido,
as lágrimas e as lutas,
o desespero da vida que nos roubam
– apenas uma angústia melancólica,
sobre a qual sonhareis a idade de oiro.

E, em segredo, saudosos, enlevados,
falareis de nós – de nós! – como de um sonho.”

(Jorge de Sena, in “Pedra Filosofal”)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 14:45

Uma dos aspectos que o (des)confinamento veio mostrar é que as mais pequenas actividades, anteriormente consideradas banais porque faziam parte do nosso dia-a-dia, são agora encaradas de forma diferente e propiciadoras de uma grande dose de prazer.

A última vez que visitei o meu barbeiro foi antes da declaração do primeiro Estado de Emergência e apenas para aparar a barba. Quer isto dizer que não cortava o cabelo há bem mais de dois meses (logo eu, que não gosto de cabelo muito grande). Assim que soube que iriam retomar a actividade, tratei logo de efectuar marcação. E ontem, aqueles minutos que passei na cadeira do barbeiro transmitiram-me uma enorme sensação de prazer. Tal como acontecerá quando me puder juntar aos meus amigos e à minha família para celebrar a vida!

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:17

dia triste

03.05.20

O dia, lá fora, está magnífico! Céu com poucas nuvens, o sol brilha, corre uma suave brisa. Um verdadeiro dia de primavera, contrastando com o que se passa cá centro, que mais parece um daqueles dias frios de outono que deixam antever a proximidade do inverno.

Hoje é Dia da Mãe, o primeiro sem a presença da minha! São quase cinco meses e, se na maior parte do tempo, ocupado com os afazeres do trabalho e outros que tento manter para me distrair e conservar um pouco da minha sanidade mental, principalmente nestes tempos de confinamento, alturas há em que a mais rotineira das tarefas me trás à lembrança a sua imagem.

Como se não bastasse, amanhã passa mais um aniversário da partida do meu pai. Já são vinte e sete e, a cada ano que passa, sinto a sua falta com uma intensidade crescente.

Quando estou assim, triste e deprimido, nunca tenho vontade de contrariar esse estado de espírito. Enquanto escrevo estas linhas, tenho feito pausas para pesquisar a banda sonora para um dia assim. Depois de várias tentativas, julgo os "fantasmas" dos Nine Inch Nails são mais do que apropriados.

Vou ficar quieto e sossegado no meu canto e deixar que esta onda me submerja. O dia acabará por passar e dar lugar a um novo!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:14

palavra do dia

30.04.20

so·rum·bá·ti·co
(origem controversaprovavelmente relacionado com sombra)

adjectivo e substantivo masculino

Que ou quem demonstra tristeza ou tem tendência para se isolar. = CARRANCUDO, MACAMBÚZIO, SOMBRIO, SORUMBÁTICO, TACITURNO, TRISTONHO

(daqui)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 17:04

20200429_065424.jpg

6h20!

O despertador toca e eu, que depois de ter acordado duas horas antes, estava a saborear aquela dormência da madrugada, desligo-o. Verifico o messenger e já lá estava a confirmação. Uma das coisas boas de correr acompanhado, pelo menos para mim, é que não gosto de falhar. A não ser num caso extremo. Mesmo que a vontade seja pouca, sou "obrigado" a sair da cama. Levanto-me, equipo-me, bebo um iogurte e, meia hora depois, estava a registar o espectáculo que a Natureza nos proporciona com o nascer do sol.

Todos os sacríficios, por mais pequenos que sejam, têm sempre a sua recompensa! Tão certo como o Sol nascer (e por-se) todos os dias!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 10:04

...

28.04.20

Sou eu, eu mesmo, tal qual resultei de tudo,
Espécie de acessório ou sobressalente próprio,
Arredores irregulares da minha emoção sincera,
Sou eu aqui em mim, sou eu.

Quanto fui, quanto não fui, tudo isso sou.
Quanto quis, quanto não quis, tudo isso me forma.
Quanto amei ou deixei de amar é a mesma saudade em mim.

(Álvaro de Campos)

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 15:38


Arquivo

  1. 2020
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D

Calendário

Junho 2020

D S T Q Q S S
123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
282930